poesia

A Páscoa em Castelo de Vide

A Páscoa em Castelo de Vide, Alentejo, Portugal Castelo de Vide – Terra de Cristãos, Terra de Judeus Bênção dos Borregos: na Praça D. Pedro V realiza-se o mercado dos borregos. Os lavradores trazem os seus rebanhos para a frente da Igreja Matriz e esperam que estes sejam benzidos; Vigília Pascal e Chocalhada: A partir […]

A Páscoa em Castelo de Vide Ler mais »

Cabo-verdiana Vera Duarte na abertura do Festival de Poesia de Medellín

Medellín, Colômbia, 24 jul 2022 (Lusa) – A cabo-verdiana Vera Duarte esteve no sábado na inauguração do Festival Internacional de Poesia de Medellín, cuja edição de 2022 volta a ser presencial, após dois anos como um evento virtual, devido à pandemia. Vera Duarte leu o seu poema-manifesto “Desagregação das ortodoxias”, para evocar as suas lutas

Cabo-verdiana Vera Duarte na abertura do Festival de Poesia de Medellín Ler mais »

Festival Cine-Poesia

Amigas e amigos de Portugal, Convido-os para as sessões de nosso Festival Cine-Poesia, dedicado este ano ao Brasil e cuja curadoria me foi confiada. Como poderão ver pelos cartazes acima ☝️☝️, o Festival acontecerá às tardes dos dias 5, 6, 7 e 8 deste mês de maio em Oeiras, apresentando nada menos de treze filmes,

Festival Cine-Poesia Ler mais »

Poesia Brasileira do Século 20

No Dia Mundial do Livro, fazemos uma “Viagem ao País do Futuro”. A poesia brasileira do século XX esteve em destaque no Café dos Poetas de ontem, que tomou emprestado o nome do livro de Isabel Lucas em que a jornalista percorreu o Brasil falando com autores locais e dando a conhecer a imensa riqueza

Poesia Brasileira do Século 20 Ler mais »

Ser Mãe

Ser mãe É ser poderosa,  Um milagre da natureza: É dividir os gestos por cem, E não perder a destreza, Que lição maravilhosa!   Ser mãe É encher-se de ternura  Por sustentar a vida que brota E torná-la suavemente madura Em cada compasso, Em cada nota!   Ser mãe É a mesma transfiguração da vida

Ser Mãe Ler mais »

“Volta para tua terra” subverte agressão em poesia pela voz de escritores imigrantes

Lisboa, 18 jun 2021 (Lusa) – Um grupo de 49 poetas estrangeiros residentes em Portugal vai lançar uma antologia antirracista e antifascista, no próximo domingo, dia 20, intitulada “Volta para tua terra”, em resposta ao crescimento da extrema-direita e da narrativa colonial. Este título, que subverte uma agressão, transformando-a em poesia antirracista, é lançado pela

“Volta para tua terra” subverte agressão em poesia pela voz de escritores imigrantes Ler mais »

Scroll to Top