O alfabeto coreano foi criado pelos intelectuais da corte do imperador Sejong em 1446, o qual queria que todos os seus súbditos soubessem ler e escrever. De facto, o «Hangul» é um dos maiores motivos de orgulho e união desta nação.

Para comemorar o 556º aniversário do Hangul, o governo sul-coreano promulgou uma semana de festividades a ele alusivas, dentro e fora do país. Com o intento de espalhar o idioma pelo mundo, o governo planeia criar mais 14 centros de língua coreana, conhecidos como Sejong Institute até final deste ano, alcançando assim um total de 90 centros em 43 países.
Tudo isto contribui para o apelo de muitos em que a importância do «Dia do Hangul» seja traduzida na sua re-instituição como feriado nacional, o qual deixou de o ser em 1990, por haverem já muitos feriados. Mas o sucesso mundial da cultura coreana em geral e da canção «Gangnam Style» em particular irão certamente fazer o governo pensar duas vezes sobre a importância efetiva do «Dia do Hangul». Ler o artigo completo.

 

Dia de Hangul — também chamado Dia da Proclamação de Hangul ou Dia do Alfabeto Coreano — é uma festividade nacional coreana que assinala a invenção e proclamação do Hangul, o alfabeto da língua coreana, pelo Rei Sejong, o Grande. Comemora-se no dia 9 de Outubro na Coreia do Sul e no dia 15 de Janeiro na Coreia do Norte. (Fonte: Wikipédia)

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar