Meia centena de trabalhos produzidos ao longo dos últimos meses por alunos, de todas as idades, da Escola Portuguesa de Luanda integram uma exposição que abre ao público hoje no Centro Cultural Português, na capital angolana.

“Por cada ciclo fez-se uma grande seleção. Por exemplo só do primeiro ciclo conseguiram-se colocar 80 trabalhos que, juntos, parecem uma pintura mural”, explicou à Lusa a docente Cecília Martins, da organização.

A exposição, que abre portas hoje no Centro Cultural Português em Luanda, integra, entre outros conjuntos e diferentes estilos, dois painéis com trabalhos de homenagem a pintores angolanos e portugueses.

“É essencialmente uma exposição de cor e de formas, com pinturas a óleo, carvões e pastéis, entre outros. O que temos é o que de melhor se fez este ano na escola, ao nível das cadeiras de artes”, sublinhou Cecília Martins.

A exposição dos alunos da Escola Portuguesa de Luanda insere-se nas comemorações do dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas e vai estar patente naquele espaço do Instituto Camões, na capital angolana, até 13 de junho.

“É também uma forma de levar esta arte para fora dos nossos muros, para que os luandenses conheçam um pouco da nossa escola e daquilo que fazemos”, rematou a docente.

PVJ // PJA – Lusa/fim

Fotos:

Entrada da escola portuguesa de Luanda.

– Alunos durante uma aula na escola portuguesa de Luanda, 19 de Outubro de 2006. PEDRO MAGALHAES/LUSA

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar