Dois filmes com participação portuguesa foram selecionados para a Competição Novos Diretores da 37.ª Mostra de Cinema de São Paulo, após serem bem votados pelo público que participou na primeira semana do evento.

O filme “A Gaiola Dourada”, de Ruben Alves – sobre uma família de imigrantes portugueses que vive em França, mas recebe uma herança e a oportunidade de voltar a Portugal – vai competir na categoria ficção.

Já “8816 Versos”, de Sofia Marques, que aborda a preparação do ator António Fonseca para interpretar “Os Lusíadas”, estará entre os documentários.

Ao todo, 23 títulos foram selecionados para a análise do júri, entre filmes de países como Brasil, Holanda, Japão, México, Cazaquistão, Alemanha, Grécia, Austrália, Tailândia, Índia, Israel e Canadá.

Os filmes serão votados por um júri internacional e os mais bem colocados nas categorias de ficção e documentário, além de outras que os jurados poderão criar, ganharão o troféu Bandeira Paulista.

O júri de ficção é composto pelo cineasta e documentarista ucraniano Sergei Loznitsa, pelo o filipino Lav Diaz, pelo autor e produtor austríaco Hans Weingartner, pelo fotógrafo e cineasta uruguaio César Charlone e pela diretora brasileira Monique Gardenberg.

Já os jurados para os documentários serão o jornalista e escritor brasileiro Zuenir Ventura, o produtor escocês Daniel Dreifuss, o produtor argentino Pablo Iraola e o diretor e produtor brasileiro Toni Venturi.

 

FYB // JLG – Lusa/Fim

Foto: Profissionais dos espetáculo assistem a um filme sobre os 100 anos do cinema português em frente à Assembleia da República durante uma manifestação do Sindicato dos Profissionais de Espetáculo, Lisboa, 9 de maio de 2012. ANTONIO COTRIM/LUSA

Partilhar