Independência ou Morte!, Também conhecido como Grito de Ipiranga,1888, Museu Paulista

Lisboa, 20 dez 2021 (Lusa) – O embaixador Francisco Ribeiro Telles vai coordenar o programa dos Negócios Estrangeiros das ações de Portugal no âmbito das comemorações dos 200 anos da independência do Brasil, que se assinalam em 2022, segundo despacho hoje publicado em Diário da República.

“Esta será uma excelente ocasião para, lembrando a singularidade do processo que conduziu a essa independência e a sua importância na época, assinalar a excelência das relações entre os povos português e brasileiro, bem como evidenciar as oportunidades de desenvolvimento da relação entre os dois países, em todos os domínios”, lê-se no despacho.

No âmbito das comemorações da efeméride, a cooperação entre Portugal e Brasil ficou consagrada no Memorando de Entendimento entre o Ministério da Cultura da República Portuguesa e o Ministério da Cultura da República Federativa do Brasil, assinado no Rio de Janeiro, em 04 de setembro de 2018.

O despacho, assinado pelo ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, refere que “o convite para a associação de Portugal a essas comemorações tem sido renovado, em distintas ocasiões, pelas autoridades brasileiras”.

Há ainda o objetivo de “assegurar a coerência das ações da efeméride, em apreço com outras ações igualmente relevantes a terem lugar em 2022, nomeadamente, as comemorações do primeiro centenário da Travessia Aérea do Atlântico Sul, a participação como país-tema na Bienal do Livro de São Paulo ou as comemorações do primeiro centenário do nascimento de José Saramago”.

Para a escolha de Francisco Ribeiro Telles para a coordenação do programa dos Negócios Estrangeiros das ações de Portugal nestas comemorações contou a sua “idoneidade, competência e experiência profissionais”.

Francisco Ribeiro Telles irá, em coordenação com a embaixada portuguesa em Brasília, representar a área governativa dos negócios estrangeiros nos contactos com as autoridades brasileiras e reportar diretamente ao ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros.

O embaixador irá coordenar uma equipa constituída por elementos da Secretaria-Geral do Ministério dos Negócios Estrangeiros, nomeadamente, do Centro de Competência de Apoio à Política Externa, representantes do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (Aicep) e da Direção-Geral de Política Externa.

Além de uma extensa carreira diplomática, Francisco Ribeiro Telles desempenhou, entre 2019 e 2021 as funções de secretário-executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

SMM // VM – Lusa/Fim

Partilhar