4 March 2021
Maria do Carmo Silveira

PR da Guiné-Bissau com secretária executiva da CPLP

Bissau, 05 abr (Lusa) – O Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, prometeu hoje à secretária executiva da comunidade lusófona, Maria do Carmo Silveira, que irá criar uma plataforma de diálogo entre os guineenses para acabar com a crise política no país.

A dirigente da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) foi hoje recebida em audiência por José Mário Vaz, no âmbito de uma visita de quatro dias a Bissau para contactos com as autoridades, sociedade civil, partidos políticos e representantes da comunidade internacional.

Maria do Carmo Silveira, que deve regressar na quinta-feira a Lisboa, disse ter abordado hoje com José Mário Vaz os “desafios para a normalização política” na Guiné-Bissau e que recebeu garantias de que haverá diálogo.

“Percebi a vontade, o interesse, a disponibilidade do Presidente da República, em dialogar com as partes desavindas no sentido de sair da situação. O Presidente assegurou-me que fará tudo para criar uma plataforma de diálogo entre guineenses”, afirmou Mário do Carmo Silveira.

A dirigente da CPLP sublinhou ter concordado com José Mário Vaz que a natureza da crise guineense é interna e que a solução terá que ser encontrada localmente, frisou para destacar que a organização lusófona encara com preocupação a situação na Guiné-Bissau.

“Já há algum tempo que a situação vem arrastando, torna-se urgente encontrar uma saída”, defendeu Maria do Carmo Silveira que crê que o Presidente guineense vai agora encontrar o formato para convidar as partes para a mesa do diálogo.

MB // EL – Lusa/Fim
Maria do Carmo Silveira, secretária-executiva da CPLP.

Maria do Carmo Silveira, indicada para secretária-executiva da CPLP.

 

Também poderá gostar

Sem comentários

ARTIGOS POPULARES