História do Português Desde O Big Bang visita a mais remota história da língua, muito antes do latim: mostra a origem das línguas da Europa, como se desenvolveu o português na Península, quem deu nome à língua, o que aconteceu no Brasil e como o português se transformou noutras línguas, os crioulos, que revelam muito mais sobre a humanidade do que pensamos.

No final, o livro também imagina como será a língua daqui a 500 anos, quando Os Lusíadas fizerem mil anos. Que língua se falará então?

Este livro baseia-se em ciências como a física e a biologia para contar a história da nossa língua. Só compreenderemos a origem do português se compreendermos a origem da humanidade e só compreenderemos o funcionamento da língua se compreendermos o cérebro humano e o Universo em que se insere.
História do Português desde o Big Bang tem uma visão original da humanidade, plasmada numa ideia, a do círculo da traduzibilidade. O filho de qualquer ser humano pode aprender qualquer língua humana — e não aprende nenhuma linguagem animal, por mais que tente. Tudo o que um ser humano diz ou escreve pode ser traduzido para todas as línguas da humanidade, por qualquer pessoa, independentemente da raça ou do sexo. No entanto, a humanidade nunca poderia falar uma só língua. Estamos condenados a traduzir. Também por isso, a ideia da intraduzibilidade é profundamente contrária à ideia de humanidade.

Um livro que muda a nossa visão da língua e do mundo.

Por ocasião do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, o Prof. Doutor Marco Neves fala-nos do seu mais recente livro “História do Português desde o Big Bang”.

“A História do Português Desde O Big Bang visita a mais remota história da língua, muito antes do latim: mostra a origem das línguas da Europa, como se desenvolveu o português na Península, quem deu nome à língua, o que aconteceu no Brasil e como o português se transformou noutras línguas, os crioulos, que revelam muito mais sobre a humanidade do que pensamos.

No final, o livro também imagina como será a língua daqui a 500 anos, quando Os Lusíadas fizerem mil anos. Que língua se falará então?

Este livro baseia-se em ciências como a física e a biologia para contar a história da nossa língua. Só compreenderemos a origem do português se compreendermos a origem da humanidade e só compreenderemos o funcionamento da língua se compreendermos o cérebro humano e o Universo em que se insere.

A História do Português desde o Big Bang tem uma visão original da humanidade, plasmada numa ideia, a do círculo da traduzibilidade. O filho de qualquer ser humano pode aprender qualquer língua humana — e não aprende nenhuma linguagem animal, por mais que tente. Tudo o que um ser humano diz ou escreve pode ser traduzido para todas as línguas da humanidade, por qualquer pessoa, independentemente da raça ou do sexo. No entanto, a humanidade nunca poderia falar uma só língua. Estamos condenados a traduzir. Também por isso, a ideia da intraduzibilidade é profundamente contrária à ideia de humanidade. Um livro que muda a nossa visão da língua e do mundo.”

(sinopse da contracapa)

Marco Neves nasceu em Peniche e vive em Lisboa. Tem sete ofícios, todos virados para as línguas: tradutor, revisor, professor, leitor, conversador e autor. Não são sete? Falta este: é também pai, com o ofício de contar histórias. É professor na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e diretor do escritório de Lisboa da Eurologos.

Escreve regularmente no blogue Certas Palavras. Já publicou os livros “Doze Segredos da Língua Portuguesa”, “A Incrível História Secreta da Língua Portuguesa” e o romance “A Baleia que Engoliu Um Espanhol”. Publicou também um ensaio literário, “José Cardoso Pires e o Leitor Desassossegado”. Regressou às dúvidas e subtilezas da língua portuguesa com a “Gramática para Todos: O Português na Ponta da Língua”. “História do Português desde o Big Bang” é o seu 12.º livro.

The following two tabs change content below.
Avatar photo

Marco Neves

Docente na NOVA FCSH e investigador no CETAPS. É tradutor desde 2002 e autor de vários livros sobre a língua portuguesa e a linguagem humana. Escreve regularmente no SAPO 24 sobre temas linguísticos e mantém a página Certas Palavras (www.certaspalavras.pt).
Avatar photo

últimos artigos de Marco Neves (ver todos)

Partilhar