3 March 2021

Camilo Cavalcante, com “A História da Eternidade”, vence Festin2016

Lisboa, 12 mai (Lusa) – Camilo Cavalcante, com “A História da Eternidade”, é o grande vencedor da edição do Festin 2016, arrecadando os prémios para a Melhor Longa-metragem e Melhor Realizador de um filme protagonizado por Cláudio Jaborandy, que venceu o Melhor Ator.

O júri do festival de cinema foi seduzido por três histórias de amor improváveis trazidas pelo realizador pernambucano à tela numa “fotografia que encanta pela paisagem e muita luz e, ao mesmo tempo vento, relâmpagos e chuvas, no semiárido do Nordeste do Brasil”, destaca o comunicado da organização do Festin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa, que chegou ao fim na quarta-feira.

Adriana Esteves, pela atuação em Mundo Cão, arrecadou o prémio para a Melhor Atriz na edição deste ano do festival, que distribuiu na noite de quarta-feira no cinema São Jorge em Lisboa treze troféus – desenhados pelo artista plástico brasileiro, radicado na Europa, Marcos Marin – por entre 74 películas exibidas ao longo de oito dias.

O festival deste ano teve como mote o 20.º aniversário da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), o que se traduziu na seleção dos filmes escolhidos entre as 545 películas inscritas na mostra e na realização de várias iniciativas paralelas.

Entre as longas-metragens exibidas no Festin deste ano, destaca-se ainda “Olhar de Nise”, de Jorge Oliveira e Pedro Zoca, eleito pelo público como Melhor Documentário e que ganhou a Menção Honrosa do júri de documentário.

O filme – feito por realizadores e produtores residentes em Brasília – conta a história de Nise da Silveira, médica alagoana, que revolucionou a história da psiquiatria no Brasil e foi exemplo para o mundo ao lutar contra a tortura nos manicómios e dar liberdade e novas oportunidades aos internos.

Entre os restantes premiados, “Ausência”, de Chico Teixeira, foi a Melhor Longa-metragem na escolha da Crítica, e “A Família Dionti” recebeu na mesma categoria o Prémio do Público.

APL// APN – Lusa/Fimfestin 2016

Também poderá gostar

Sem comentários

ARTIGOS POPULARES