Obra literária do escritor, poeta, jornalista guineense, Tony Tcheka ( António Soares Lopes)

Obra literária do escritor, poeta, jornalista guineense, Tony Tcheka ( António Soares Lopes)

Desesperança no Chão de Medo e Dor, é mais um obra literária do escritor, poeta, jornalista guineense, Tony Tcheka ( António Soares Lopes), a ser presentada em Portugal na Mala Posta (Odivelas/Metro Sr. Roubado) na próxima sexta feira dia 25 de Setembro pelas 17h00 .

Meia centena de poemas nasceram em partos de inspiração que anima o autor na sua relação com a terra que o viu nascer e com as suas gentes. Os sinais que a narrativa comporta decorrem do periodo que medeia os finais de 2011 às eleições gerais de 2015. Registe-se o predominio da frustante constação de falência do processo da construção e dom desenvolvimento, fustigando a esperança abortada. O abatimento perante um futuro permenentemente adiado.

Com a chancela da editora Corubal, são apresentadas 167 paginas onde coabitam as duas liguas da Guiné-Bissau, o Kriol e o português em cinco sub-áreas temáticas que vão da dor, o medo, o sofrimento ao amor e à vida . Mas também destaca-se no últim o capitulo, críticas literárias de seis estudiosos das litarturas africanas que se detêm na lavra de Tony Tcheka.

As ilustrações foram grantidas pelo pintor guineense Ismael H. Djatá.

A apresentação da obra será feita pelo escritor e poeta português Mário Máximo.

O lançamento conta com o apoio da RDP-África e da Mala Posta.

Quére, no arquipélago dos Bijagós, na Guiné-Bissau, podia ser a ilha do Peter Pan, parada no tempo, mas "pertence" a Laurent Durris, um francês que se sente melhor em África do que na Europa, Guiné-Bissau, 8 de Novembro de 2009. MARISA SERAFIM/LUSA

Quére, no arquipélago dos Bijagós, na Guiné-Bissau, podia ser a ilha do Peter Pan, parada no tempo, mas “pertence” a Laurent Durris, um francês que se sente melhor em África do que na Europa, Guiné-Bissau, 8 de Novembro de 2009. MARISA SERAFIM/LUSA

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar