2 March 2021
A representante no Brasil da Wikimedia Foundation, que mantém a enciclopédia colaborativa, trabalha para aprimorar verbetes e atrair usuários

Wikipédia quer mais brasileiros

Desde março, a paulistana Oona Castro, de 32 anos, é responsável no Brasil pelos projetos da Wikimedia Foundation, que mantém a enciclopédia colaborativa Wikipédia. Sua missão é ampliar a quantidade, e também a qualidade, dos verbetes em língua portuguesa do serviço – uma coleção de artigos que já figura entre as dez maiores da enciclopédia. Para alçar voos mais altos, o plano já foi traçado: por meio de uma parceria, professores e alunos de algumas das principais universidades brasileiras, como USP e UFRJ, estão incrementando os artigos eletrônicos da enciclopédia. “Além de aumentar a qualidade dos verbetes, essa parceria vai fomentar mais debates na rede”, diz Oona. Confira a seguir a entrevista que ela concedeu ao site de VEJA.

Que tipos de parcerias vocês buscam? Nossa estratégia é estreitar laços com entidades voltadas ao ensino. Há dois meses, cinco professores dos cursos de biblioteconomia e arquivologia da Unesp, física e filosofia da USP, história da UniRio e física da UFRJ aderiram ao Global University Program. Esse programa-piloto, criado em 2010 e disponível em seis países, busca capacitar e auxiliar estudantes, professores e pesquisadores que querem atuar como editores do serviço. Consequentemente, isso eleva a qualidade dos verbetes e acrescenta a eles rigor científico. Nos próximos meses, estudaremos a possibilidade de contar com mais voluntários das universidades. Ler o artigo completo (Veja)

 


Também poderá gostar

Sem comentários