24 February 2021

Simpósio Espanhol, Galego e Português: Políticas Linguísticas para o Século XXI

O evento contará com a presença do editor executivo do Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP), o professor brasileiro Gilvan Müller de Oliveira, que fará a conferência “Caminhos da Língua Portuguesa no século XXI: uma história do presente.

Destaca-se também a presença do professor José del Valle, da Universidade Colúmbia de Nova York, que antes fará sua comunicação em espanhol com o tema: “A política do espanhol: uma língua e uma disciplina em uma encruzilhada”.

Ambos os professores farão em seguida a mesa redonda com o tema “Galego e português: perspetivas para o século XXI”.

–– As Línguas ibéricas em expansão internacional ––
O simpósio ocorre em um momento especial para as línguas ibéricas no mundo. O mundo de Língua Portuguesa observa a entrada em vigora do Acordo Ortográfico na maior parte do mundo lusófono. O IILP empreende avanços nos trabalhos de elaboração do Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa e do Portal do Professor de Português Língua Estrangeira. E aumenta a demanda pelos cursos de Língua Portuguesa no mundo, para finalidades académicas, profissionais e comerciais – inclusive na América do Norte.

A língua espanhola, a segunda língua ocidental com maior número de falantes no mundo, é falada por quase 40 milhões de pessoas apenas nos EUA. É uma língua de grande importância para os negócios e para as relações internacionais, sobretudo na América Latina. E a “língua de Cervantes” conta desde 2009 com uma nova gramática que confere reconhecimento aos usos internacionais do idioma.

E o galego conta com um trabalho pioneiro de políticas de planejamento linguístico, para torná-lo uma língua apta para os usos oficiais e para o emprego nas áreas técnicas. A Galiza conta com laços culturais e históricos tanto com a Espanha quanto com Portugal. Recentemente, houve a aprovação de lei que garante o Ensino de Português na Galiza, o que aproximará a região ao mundo lusófono.

Diante desses aspetos, torna-se importante conhecer os rumos e os desafios que as Línguas ibéricas terão diante das constantes mudanças do século XXI, sobretudo com os avanços das ciências e com a maior inserção dessas línguas nas grandes instâncias internacionais. Ler mais (Ventos da Lusofonia).

Clique aqui para aceder à comunidade de Facebook do simpósio Espanhol, Galego e Português: Políticas Linguísticas para o Século XXI na Universidade de Georgetown, em Washington, EUA.

Também poderá gostar

Sem comentários