Mbanza Kongo – O coordenador provincial do projecto, Pedro Maria, disse em declarações hoje (quinta-feira) à Angop, que a acção formativa, promovida pelo sector da educação na região, tem a duração de seis meses.

Informou ainda que o curso visa dotar os compatriotas de noções básicas sobre a língua portuguesa, visando a sua rápida reinserção à vida social e produtiva.

“Este curso é muito importante, porque muitos desses concidadãos têm ainda dificuldades para ter acesso a alguns serviços, assim como o seu enquadramento na vida laboral”, referiu.

“Temos nesta formação técnicos médios e superiores formados em ciências de educação e saúde. Acredito que tão logo tenham o domínio da língua portuguesa e a aquisição das respectivas equivalências contribuirão para a reconstrução do país”, sublinhou.

O município do Kuimba dispõe de quatro centros de instrução em língua portuguesa implantados em diversas localidades da circunscrição.

 

FONTE: Angop

Partilhar