5 March 2021
O Presidente de Timor-Leste, Taur Matan Ruak, inaugurou em Díli, a Escola Magalhães, doada pelas empresas portuguesas JP - Inspiring Knowlegde e CAPA para contribuir para a educação de crianças timorenses.

Presidente timorense inaugura Escola Magalhães em Díli

Taur Matan Ruak agradeceu a “grande iniciativa para as futuras gerações de Timor-Leste” e pediu aos mais jovens para aproveitarem a oportunidade.

O Presidente timorense agradeceu também o apoio à educação e formação de crianças timorenses concedido pelas duas empresas.

A escola, com quatro salas de aula, uma sala de professores, instalações sanitárias e recreio, tem capacidade para 80 alunos e está equipada com 20 computadores Magalhães por sala, quadros interativos e mobiliário escolar.

O estabelecimento de ensino foi construído no terreno das Madres Canossianas de Díli, que ficaram responsáveis pela gestão da escola.

“Ao fim de um ano conseguimos colocar a escola em pé”, afirmou à agência Lusa Luís Almeida, diretor de marketing da JP – Inspiring Knowlegde.

O projeto surgiu na sequência de um desafio lançado pelo antigo Presidente timorense José Ramos-Horta, durante uma visita que os dois administradores daquela empresa realizaram a Díli, em março passado.

“A escola será um importante contributo para que Timor-Leste possa concretizar uma das suas principais metas: cumprir os Objetivos de Desenvolvimento do Milénio das Nações Unidas para a Educação”, afirmou Jorge Sá Couto, citado em comunicado divulgado à imprensa.

Os administradores da empresa – Jorge Sá Couto e João Paulo Sá Couto – não estiveram presentes na inauguração da escola por motivos de doença.

A empresa CAPA – Engenharia e Construções Pré-Fabricadas exporta para 15 países do mundo e tem fábricas em Portugal, Angola e Moçambique.

A JP-inspiring knowledge é uma empresa portuguesa dedicada à criação e comercialização de soluções tecnológicas.

O seu produto mais conhecido é o computador Magalhães.

Na cerimónia de inauguração da escola, também esteve presente o antigo Presidente José Ramos-Horta, que agradeceu às madres Canossianas por terem cedido o terreno e às empresas portuguesas por terem concretizado o seu desafio.

MSE // HB

Lusa/Fim

 

Fotos: LUSA – Alunos utilizam computadores Magalhães, durante a inauguração da Escola Magalhães, 13 de dezembro de 2012. A escola, com quatro salas de aula, uma sala de professores, instalações sanitárias e recreio, tem capacidade para 80 alunos e está equipada com 20 computadores Magalhães por sala, quadros interativos e mobiliário escolar. ANTONIO AMARAL / LUSA

Também poderá gostar

Sem comentários