Teremos o privilégio da participação da Professora Doutora Olinda Beja, poetisa e narradora, também dedicada à docência, com vários livros publicados e que tem feito sessões de divulgação da poesia e da música, dando a conhecer a cultura santomense.
É Olinda Beja que no seu poema «Quem somos?» nos afirma que «O mar chama por nós, somos ilhéus!/Trazemos nas mãos sal e espuma/cantamos nas canoas/dançamos na bruma».
Depois de uma breve preleção sobre a literatura santomense, daremos lugar à declamação de poesia e, no final, abriremos a sessão à participação do público.
Esta tertúlia insere-se no ciclo intitulado «Poetas de Mar e Mundo», que tem por objetivo promover e divulgar a poesia dos países de língua oficial portuguesa, dando a conhecer, através dela, as diversas culturas, aproximando os povos que usufruem de uma riqueza cultural em comum – a Língua Portuguesa.
Escolhemos para este ciclo de tertúlias a Casa Fernando Pessoa pela simbólica que encerra, pelo facto de o “Mar” estar presente na poesia pessoana, por este ano se assinalarem os 80 anos sobre o falecimento de Fernando Pessoa e os 100 anos do heterónimo de Alberto Caeiro, por prestigiar as literaturas dos países de língua portuguesa.
Nas tertúlias anteriores, a 8 Séculos de Língua Portuguesa-Associação convidou diversos declamadores para nos apresentarem a poesia dos seus países: Jorge Pessoa (Angola), Lauro Moreira (Brasil), Celina Pereira (Cabo-Verde), Emílio Tavares Lima (Guiné-Bissau) Elsa de Noronha (Moçambique) e José Amaral (Timor-Leste). Fizeram uma retrospetiva sobre o contexto literário no Brasil, em Cabo Verde, na Guiné-Bissau, em Moçambique  e em Timor-Leste, o Embaixador Lauro Moreira, o Professor Doutor Alberto de Carvalho, o Doutor Ernesto Dabó, o Dr. Emílio Tavares Lima, a Drª Giulia Spinuzza e o Professor Luís Costa, respetivamente.
Seguir-se-á a tertúlia dedicada a Portugal no dia 14 de maio, 5ª feira, com a qual encerraremos este ciclo dedicado à promoção e divulgação da poesia dos países da CPLP.


Foto:

– criança de São Tomé e Príncipe. 07/10/2014 – Andre Kosters / Lusa

– Olinda Beja a recitar (tempo dual tempodual.blogspot.com)