25 February 2021
Mais de uma década e meia após o seu aparecimento, o jornalismo na Web continua sem ter um conjunto de normas que permita estabilizar uma linguagem própria. O Manual de Estilo para os Novos Meios, na Fundéu BBVA, é um importante contributo para que rapidamente se identifique uma linguagem jornalística para a Web.

Para uma correcta utilização da língua portuguesa nos meios de comunicação social

A Fundéu BBVA, Fundación del Español Urgente, é uma instituição espanhola que tem como objectivo apoiar a correcta utilização da língua espanhola nos meios de comunicação social. Fazendo um paralelo com a realidade portuguesa, podemos dizer que é uma espécie de Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, mas com a missão específica de apoiar os media. Esta opção prende-se com o facto desta Fundação considerar que jornais, rádios e televisões são um meio privilegiado na divulgação da língua.

Trago a Fundéo BBVA às páginas do “Setúbal na Rede” porque o mais recente projecto desta Fundação é um “Manual de Estilo para os Novos Meios”. Dirigido por Mário Tascón, uma das de referências mundiais no campo do jornalismo na Internet e antigo director da Prisacom, este projecto visa identificar um conjunto de regras que ajudem todos os que escrevem para o novo meio.

Porque tenho o privilégio de ter sido convidado para participar neste projecto, acompanho as acesas discussões em torno de questões tão simples como a melhor forma de grafar números, de assinalar que a notícia continua noutra página, de informar que foram efectuadas alterações a uma notícia ou de saber quantos caracteres deve ter um título.

Lembro-me de ter uma conversa com José Vítor Malheiros, que então dirigia o Público Online, em que ele confessava alguma frustração em relação à investigação no campo do jornalismo na Web. Dizia ele que todos os dias apareciam alunos de mestrado com inquéritos relacionados com grandes temas já estudados e ninguém se preocupava em investigar os pequenos problemas que surgiam diariamente na então nova redacção do online. Esta conversa, que tem mais de uma década, continua actual e pouco se tem feito para responder a esta necessidade dos jornalistas que trabalham no online. Por isso é de saudar o projecto da Fundéu BBVA e de Mário Tascón, que assim dão um importante contributo para este sector.

índice do Manual mostra bem que se trata de um projecto ambicioso de grande utilidade para a imprensa na Web. Por se tratar de um projecto sob licença  Creative Commons, está já a ser estudada uma forma de o adaptar o manual à Língua Portuguesa, pois embora existam muitas regras universais, há particularidades que deverão ser adaptadas à nossa Língua. Enquanto tal não acontece, aconselho vivamente que sigam a novidades no site do projecto.

 

João Canavilhas – 13-04-2011 11:57

 

FONTE: Setúbal na rede

Também poderá gostar

Sem comentários