São Paulo – A passagem do bloco pelas avenidas próximas à Estação da Luz, na região central da cidade, atraiu dezenas de foliões.

“Sair com boneco, brincar com boneco de rua é uma herança cultural que temos da Europa. Isso é muito importante porque, neste momento em que a ciência está hiperavançada, o homem pode voltar às suas raízes. E a raiz é a celula-mãe da identidade de um povo”, afirmou Neide Rodrigues Gomes, coordenadora do curso de Criação e Confecção de Bonecos de Rua, ministrado no museu.

Apesar da garoa que atingiu a cidade durante a tarde, os cerca de 20 bonecões animaram dezenas de foliões.

Os participantes puderam brincar e pular o carnaval ao som de Sassaricando, Me Dá um Dinheiro Aí, Aurora e outras marchinhas tradicionais.

“Recordei minha infância aqui. Fazia muito tempo que eu não pulava o carnaval ouvindo essas marchinhas. Ano que vem quero voltar”, disse Aloisio Machado,  de 56 anos, que acompanhou a passagem do bloco.

Edição: Graça Adjuto

 

FONTE: Agência Brasil

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar