Luanda, 06 jun 2022 (Lusa) – O ministro angolano da Cultura, Filipe Zau, lamentou hoje e expressou consternação pela morte do escritor Dario de Melo, aos 86 anos, ocorrida no domingo, na província de Benguela.

Dario de Melo, que nasceu em 02 de dezembro de 1935, exerceu várias profissões entre as quais professor, jornalista e escritor, locutor de rádio, gerente agropecuário, inspetor escolar, editor no Instituto Nacional do Livro e do Disco e funcionário do Ministério da Informação.

Tem uma vasta obra publicada na área da literatura infantil, com mais de 18 títulos, entre os quais se distingue “As Sete Vidas de um Gato”, com o qual obteve o prémio PALOP’98 de Língua Portuguesa de Literatura Infantil.

Numa nota de condolências, o ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, Filipe Zau endereçou os seus sentimentos de pesar à família enlutada.

Também a União de Escritores Angolanos lamentou a morte do escritor, membro da organização, na qual desempenhou a função de presidente da mesa da assembleia geral entre 1992 e 1994.

RCR // LFS – Lusa/Fim

Partilhar