6 March 2021
Baixa de Maputo, 26 de maio de 2014. ANTÓNIO SILVA/LUSA

Maputo acolhe primeira edição do Festival de Comédia de Língua Portuguesa

Maputo, 27 out (Lusa) – Maputo acolhe hoje e no sábado a primeira edição do Festival de Comédia de Língua Portuguesa, uma iniciativa que visa criar um intercâmbio entre humoristas da lusofonia.

“A expectativa é que as pessoas venham ver aquilo que nós temos em termos de talentos para juntos fazermos crescer o movimento de comédia nos nossos países”, disse à Lusa Leonel Mendes, humorista e um dos organizadores do festival.

Nesta edição, o festival contará com a participação de seis humoristas, dois do exterior, Fernando Tafish (Angola) e João Seabra (Portugal), e quatro moçambicanos, Leonel Mendes, Meneses e o dueto de Félix Tinga.

Bruna Louise, convidada do Brasil e incluída nos cartazes da iniciativa, não vai estar presente.

Para Leonel Mendes, tendo em conta que, pelo menos nos países de língua portuguesa, a comédia é relativamente nova, a ideia é garantir a criação de mercado.

“A ideia é mexer um pouco na área para ver o que sai”, observou o humorista, lembrando que a iniciativa nasce como forma de celebrar o 9.º ano do “Improriso”, um espetáculo de comédia que ganhou notoriedade em Maputo.

Para João Seabra, o humor entre os países lusófonos está ainda em fase embrionária, mas iniciativas similares são importantes para que haja um intercâmbio mais forte e a dinamização do estilo.

“Isto, no fundo, é transmitir a cultura de um país para os outros”, afirmou o humorista.

Depois deste festival piloto, a organização do evento projeta realizar seis espetáculos anuais, num périplo que deverá incluir Luanda, Angola, Porto, Lisboa e São Paulo.

Os espetáculos vão decorrer hoje e sábado no Cine Teatro Gilberto Mendes, em Maputo, pelas 21:00.

EYAC // SB – Lusa/Fim

Também poderá gostar

Sem comentários

ARTIGOS POPULARES