A poesia pode conter todos os abraços, todo o azul do céu e do mar, todos os ventos e folhas das árvores; a poesia pode evocar todos os sentimentos, externar todas as emoções, tirar o coração do corpo. Estas palavras sinceras são uma espécie de sopro, que nos alivia do peso das circunstâncias, guiando-nos neste INFINITO!

Professora de português e francês na Escola Inês de Castro, em Vila Nova de Gaia.

Licenciou-se em 1992 pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto e publicou mais de trinta livros (escolar, romances e livros infantis).

É uma formadora especialista em português que trabalha tanto com professores como a nível empresarial.

Durante vários anos, escreveu no Jornal de Notícias sobre a Língua Portuguesa. Atualmente escreve artigos para o jornal Público. Em 2014, foi convidada pelo Instituto Politécnico de Macau para dar formação a professores universitários chineses, sob o tema “Comunicação e Expressão”.

É também autora de artigos para o Observatório da Língua Portuguesa e colaboradora do site Ciberdúvidas.

Esta palestra foi realizada no quadro de um evento TEDx usando o formato de conferência TED, organizada de forma independente por uma comunidade local. Saiba mais

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar