“Acho que é a principal marca de que Portugal dispõe, um património inigualável, inestimável, e que não tem sido valorizado devidamente. O português é a terceira língua mais importante, a seguir ao inglês e ao espanhol. Nos séculos XV e XVI, deu a volta ao mundo, estabeleceu a ponte cultural entre o Ocidente e o Oriente e deixou vestígios em mais de 150 línguas e dialectos.” Especialista e autora de livros e programas de televisão sobre a língua portuguesa, a deputada ao Parlamento Europeu considera que a língua, falada em oito países e por 200 milhões de pessoas, “é muito importante do ponto de vista económico”. “O Brasil tem o português como língua materna, Angola, país rico em África, também, o que tem contribuído para que muita gente estude português por esse mundo fora.”

.

 

FONTE: DN

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar