Esta medida, inédita no país asiático, deverá facilitar a vida a muitos trabalhadores estrangeiros interessados em ter carta de condução válida.

Os exames de código em português destinam-se a imigrantes brasileiros de origem nipónica, os quais trabalham sobretudo na indústria automóvel.

Dos 4477 estrangeiros que tentaram obter a carta de condução em Shizuoka entre os meses de Janeiro e Novembro de 2010, 1862 eram brasileiros. Destes, 70 por cento optaram por fazer o exame em inglês.

Neste momento há 47 municípios nipónicos a realizar testes em língua inglesa, enquanto o chinês é usado em apenas quatro. Quanto ao português, o exemplo de Shizuoka poderá ser seguido por Aichi.

FONTE: Correio da Manhã
close
Subscreva as nossas informações
Partilhar