Lisboa, 15 nov (Lusa) – O Governo vai fundir a cooperação e a língua portuguesa num único instituto, o novo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, que no próximo ano terá uma dotação orçamental de 61, 6 milhões de euros.

“O Governo irá promover a fusão do Instituto Camões (IC) e do Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento (IPAD) num novo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, que terá por missão potenciar o desenvolvimento da política da cooperação internacional e a promoção da língua e cultura portuguesa no estrangeiro”, refere a proposta orçamental do MNE para 2012 a que a Agência Lusa teve hoje acesso.

O documento, que na quarta-feira servirá de base à discussão na especialidade do Orçamento do Estado do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) para o próximo ano, acrescenta que a dotação do novo instituto será de 61, 6 milhões de euros, financiados através de verbas do Fundo para as Relações Internacionais.


FONTE: Expresso

Partilhar