1 March 2021
Congresso Internacional, 14 e 15 de Janeiro de 2014, Goa, Índia.

“Índia e o Mercado Lusófono”

A Lusophone Society of Goa (LSG) – Sociedade Lusófona de Goa, organiza em colaboração com  IdEA – Instituto de Estudos Asiáticos e a AAPI – Associação de Amizade Portugal – Índia um Congresso Internacional nos dias 14 e 15 de Janeiro de 2014, focando a Índia e o Mercado dos Países e Regiões Lusófonas.

Com tradução simultânea Inglês-Português e vice-versa.

O Congresso interessa particularmente aos empreendedores dos países Lusófonos e da Índia, para conhecerem em directo as possibilidades reais de intercâmbio de bens e serviços.

 

O Congresso, como uma reunião Global,   é um importante passo para o aprofundamento das relações económicas entre a Índia e os países de língua portuguesa.

O português é um dos principais idiomas do mundo. Com perto de 250 milhões de falantes, é a quinta língua mais falada do mundo e a língua oficial em oito países espalhados em quatro continentes, dos quais seis estão em África (Angola, Moçambique, Guiné Bissau, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe) e um cada na Europa (Portugal), América do Sul (Brasil) e Ásia (Timor-Leste). Também continua a ser uma língua oficial em Macau.

Este Congresso é de particular interesse para os empresários dos países de língua portuguesa e da Índia, para virem a conhecer as reais possibilidades de intercâmbio de bens e serviços. Da parte indiana, a conferência conta com a participação de empresários indianos de toda a Índia.

A Índia está a realizar avanços notáveis em muitos campos tais como tecnologia da informação, farmacêutica, turismo médico, produtos industriais, transporte, equipamentos eletrónicos, etc., procurando  por outro lado, importar diversos bens e serviços tais como produtos agrícolas, minerais, combustíveis, materiais de construção, etc.

Por outro lado, os países de língua portuguesa, que representam um mercado diversificado de 250 milhões de pessoas, com minerais, petróleo, recursos agrícolas e tecnologias representam uma imensa plataforma onde o empreendedor com suas iniciativas e experiências pode interagir para dar o melhor para os seus co-cidadãos.

Enquanto as relações comerciais e de investimento entre a Índia e os países lusófonos têm ajudado os dois lados a desenvolver a sua capacitação sócio-económica, as tendências globais obrigam os parceiros a consolidar as realizações positivas e a apoiar uns aos outros no sentido de se tornarem mais autoconfiantes e economicamente vibrantes.

A Sociedade Lusófona de Goa apresenta através deste Congresso uma plataforma ideal para levar por diante esta agenda entre a Índia e os países lusófonos.

O nosso principal objetivo é oferecer a todos um Congresso grande, moderno e atraente juntando instituições de negócio, instituições sociais de negócio e empresas da Índia e do mundo lusófono.

Local do Congresso

O Congresso realiza-se em Panjim, capital de Goa, na Kala Academy.

O local do Congresso não poderia ser melhor: Goa! Goa é muito procurada por indianos e estrangeiros, para uma estadia tranquila e relaxante, por causa das suas praias paradisíacas, com um bom sol e comida deliciosa. Goa recebe anualmente mais de 600 mil turistas estrangeiros e 2, 7 milhões de turistas indianos.

A Kala Academy, localizada em Campal, Panjim, é uma instituição premiere mantida pelo Governo de Goa onde se realizam festivais, exposições, congressos, workshops e seminários.

Panjim dista apenas cerca de 30 km do aeroporto de Dabolim em Goa. E entre o aeroporto de Dabolim e o de Mumbai existem diarimente vários vôos (duração de vôo cerca de uma hora). Saiba mais»

 

Veja:

Foto: Nuno Krus Abecassis, Presidente da Câmara de Lisboa recebe a última bandeira portuguesa que ficou em Goa, antiga colónia portuguesa na Índia. 27 September 1989. ANTONIO COTRIM/LUSA

Também poderá gostar

Sem comentários