4 March 2021
O presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, revelou, quarta-feira (22), em Luanda, que a adesão do seu país à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) foi garantida pelo seu homólogo angolano, José Eduardo dos Santos.

Guiné Equatorial na CPLP em 2014

Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, que falava à imprensa, no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, no termo da visita de algumas horas que efectuou a Angola,  adiantou que, entre outros temas, de interesse bilateral, regional e internacional, a adesão da Guiné Equatorial à CPLP foi também analisada no encontro que manteve com o chefe de Estado angolano.

“Abordamos o tema sobre a entrada da Guiné na CPLP porque solicitamos a nossa adesão e na última reunião isso não foi possível. Creio que estamos a sensibilizar neste momento os países membros, para que a Guiné possa então aderir à comunidade”, revelou.

Abordado se havia recebido algum apoio expresso de Angola nesse sentido, o presidente equato-guineense confirmou que, “precisamente, o presidente Dos Santos assegurou que a Guiné Equatorial vai entrar na próxima reunião”.

A X Cimeira de chefes de Estado e de Governo da CPLP terá lugar em 2014, no Timor-Leste, o único país da Ásia membro da CPLP. ler o artigo completo.

Também poderá gostar

Sem comentários