24 February 2021

CPLP : pontapé de saída nos negócios

Díli, 27 fev (Lusa) – O 1º Fórum Económico Global da CPLP, que hoje terminou em Díli, permitiu lançar as bases, com vários memorandos de entendimento, para que se fechem a curto prazo, negócios em vários setores, disseram à Lusa empresários responsáveis pelo encontro.

Jorge Serrano, empresário timorense e presidente de honra da Confederação Empresarial da CPLP (CE-CPLP) considerou o fórum bastante positivo, com “uma participação máxima de empresários da CPLP, Ásia e Pacifico e de Timor-Leste”.

“Todos ficámos muitos satisfeitos com o trabalho, todo o apoio político do Governo e da parte empresarial. Tivemos cerca de 400 encontros entre empresas, o que implica pelo menos 800 pessoas a encontrar-se. E mais de 50% timorenses”, disse à Lusa.

O fórum permitiu dar os primeiros passos para futuros negócios, alguns que se vão concretizar muito em breve, tendo sido ainda assinados vários protocolos e parcerias, incluindo entre a Câmara Comércio e Industria de Timor e a Associação Empresarial Portuguesa.

“Acho que isto é uma boa aposta. Trazer pessoas cá, apalpar terreno, estabelecer contactos. Esperamos poder tornar isto num evento a realizar a cada dois anos, ajudando a promover o nosso país”, disse ainda o empresário timorense.

Mário Costa, presidente da União de Exportadores Lusófonos (UE-CPLP) – outra das entidades envolvidas na organização do fórum, destacou o facto de durante a reunião terem sido assinados vários memorandos de entendimento que se materializarão, nos próximos meses, em vários acordos de negócio.

“O objetivo era trazer pessoas dos quatro cantos do mundo. Foi um desafio aliciante e que conseguimos cumprir. O resultado viu-se nas reuniões entre empresas de vários países, nas salas temáticas e no movimento da mostra. Demonstra que as pessoas não deram o tempo com perdido”, afirmou.

“É um primeiro pontapé de saída nos negócios. Não se concretizam aqui, porque têm que ser negociados em detalhe, mas começam aqui quando as pessoas convivem e contactam”, disse ainda.

ASP//GC – Lusa/Fim

Também poderá gostar

Sem comentários

ARTIGOS POPULARES