27 February 2021
Uma coprodução entre Moçambique, Portugal e França, "Virgem Margarida" foi rodado em Maputo e em florestas do centro do país, entre abril e maio de 2010, e teve a sua primeira estreia no Festival de Toronto, o mais importante da América.

Filme moçambicano “Virgem Margarida” premiado em França e na Tunísia

O filme moçambicano “Virgem Margarida”, do realizador brasileiro radicado em Maputo Licínio de Azevedo, foi premiado em dois festivais internacionais, realizados em França e na Tunísia, anunciou hoje a produtora Ébano Multimédia.

O filme conta a história de uma camponesa virgem, detida por engano e enviada com prostitutas para um campo de reeducação no Niassa, no norte de Moçambique, logo após a independência de Moçambique, em 1975.

No Festival Internacional de Filme de Amiens, França, realizado de 12 a 14 de novembro, “Virgem Margarida” obteve o prémio para melhor longa-metragem e uma menção honrosa do júri pelo seu “valor humanitário”.

Na mesma semana, no Festival de Cinema de Cartago, Tunísia, Iva Mugalela foi considerada a melhor atriz secundária, pela sua interpretação em “Virgem Margarida”.

 

LAS // PMC

Lusa/Fim

Foto: LUSA

Também poderá gostar

Sem comentários