Macau, China, 18 jul 2019 (Lusa) – O Festival Literário de Macau lançou hoje a oitava edição do concurso de contos, que premeia o melhor em três diferentes línguas (português, chinês e inglês), com submissões até 30 de novembro.

Os contos vencedores serão traduzidos nos restantes idiomas e publicados em livro na próxima edição do Rota das Letras, em março de 2020, informou em comunicado a organização.

À semelhança de anos anteriores, os contos devem ter Macau como tema ou pano de fundo e cada concorrente pode enviar um máximo de dois contos. O júri final é composto por escritores convidados da última edição.

Os vencedores recebem ainda um prémio pecuniário no valor de 10 mil patacas (cerca de 1.100 euros).

No ano passado, Liliana Ribeiro foi a premiada portuguesa, com o conto “E se as Pedras”.

O Festival Literário de Macau – Rota das Letras, fundado pelo jornal local em língua portuguesa Ponto Final, realiza-se desde 2011.

FST // PJA – Lusa/Fim
close
Subscreva as nossas informações
Partilhar