O convite foi feito no fim de semana passado pelo presidente colombiano Juan Manuel Santos, na visita oficial do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, ao país e foi confirmado hoje pela SEC.

Significa que a literatura em língua portuguesa estará em destaque durante dois anos consecutivos numa feira do livro da América Latina, uma vez que o Brasil foi o país convidado deste ano.

A participação de Portugal na feira funcionará em três eixos: “Venda de livros em língua portuguesa, presença no certame de vários autores portugueses e promoção de Portugal como destino turístico e de turismo cultural”, referiu a secretaria de Estado da Cultura.

A pedido da organização, o programa incluirá ainda uma componente musical e gastronómica.

Em comunicado, o secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas, afirmou que “esta será uma oportunidade excelente para promoção da cultura portuguesa, de forma transversal, naquela que é a segunda feira do livro mais importante em língua castelhana, logo a seguir à de Guadalajara [no México]”. Ler o artigo completo (RTP)

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar