Conceição Trigueiros, diretora da Academia de Escolas de Arquitetura e Urbanismo de Língua Portuguesa (AEAULP), promotora da mostra disse que a exposição será composta pelos trabalhos dos arquitetos Oscar Niemeyer, Álvaro Siza Vieira, Paulo Mendes da Rocha e Eduardo Souto de Moura, os únicos vencedores lusófonos do Prémio Pritzker.

Oscar Niemayer recebeu o Prémio Pritzker em 1988, Siza Vieira em 1992, Paulo Mendes da Rocha em 2006 e Eduardo Souto de Moura em 2011.

Conceição Trigueiros disse ainda que será organizado um grande seminário sobre os quatro arquitetos quando a exposição chegar a Portugal.

“O curador da exposição é o arquiteto italiano Francesco Dal Co, que também será responsável pela elaboração de um livro sobre a mostra”, referiu ainda.

O projeto expositivo da mostra será do arquiteto português João Luís Carrilho da Graça, segundo a responsável da AEAULP.

A mostra está inserida no âmbito da programação do Ano de Portugal no Brasil e do Ano do Brasil em Portugal.

O Prémio Pritzker – criado em 1979 pela fundação norte-americana Hyatt, gerida pela família Pritzker – é considerado um dos mais importantes galardões internacionais da arquitetura, comparado ao Prémio Nobel.

CSR //JMR.

Lusa/fim

Foto: LUSA – O arquitecto português, Eduardo Souto de Moura (D), recebe o Prémio Pritzker 2011, o “Nobel” da Arquitetura, em Washington, 03 de junho de 2011. REX ALLEN STUCKY / LUSA

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar