2 March 2021
Um curso de gestão e programas de formação técnica para quadros executivos de empresas serão as primeiras iniciativas da Nova School of Business & Economics, da Universidade Nova de Lisboa (UNL), em Moçambique, apresentada na quinta-feira em Maputo.

Escola de Formação de Executivos da UNL apresentada em Maputo

Em “continuidade do programa Novafrica”, da Nova SBE, que tem vindo a realizar estudos de investigação económica em Moçambique, a faculdade de economia portuguesa vai lançar no país formações para “altos quadros empresariais”, através de uma Escola de Formação de Executivos.

“Pensamos e ouvimos dizer que esta é uma altura, dado o processo de crescimento que está a decorrer no país, em que há uma procura de recursos humanos cada vez mais qualificados”, disse à agência Lusa Cátia Batista, diretora executiva do Novafrica.

Numa primeira fase, as formações disponibilizadas pela NOVA SBE, com períodos compreendidos entre “cinco dias a seis meses”, vão limitar-se a um “Curso Geral de Gestão e programas de curta duração, que incidem sobre técnicas de negociação, liderança e competências financeiras”.

Os custos das formações não foram divulgados pela instituição.

Sobre o Curso Geral de Gestão, Cátia Batista disse tratar-se de uma iniciativa que pretende promover a circulação de pessoas “dentro do espaço que fala português”.

“Depois de cinco semanas passadas nas diferentes regiões, as pessoas reúnem-se para uma última semana do curso (em Lisboa), podendo trocar experiências, criar sinergias e uma rede”, explicou.

Ainda a “auscultar” as necessidades do país, a responsável avançou que, no futuro, a faculdade poderá iniciar “um curso de supervisão bancária” para quadros do Banco de Moçambique.

“Discutimos hoje (quinta-feira) no Banco Central de Moçambique a possibilidade de darmos curso de supervisão bancária”, disse.

Segundo um comunicado da Nova SBE, reconhecida “como a melhor escola portuguesa de gestão” pelo Financial Times, a Escola de Formação de Executivos arranca atividade em Maputo a partir de Maio.

A Nova SBE tem já representação em Angola, aberta em 2010, e no Brasil, com escritórios desde 2012.

EMYP // VM. – Lusa/Fim


A diretora executiva do Novafrica, Cátia Batista durante a apresentação do curso de gestão e programas de formação técnica para quadros executivos de empresas serão as primeiras iniciativas da Nova School of Business & Economics, da Universidade Nova de Lisboa, em Maputo, Moçambique, 21 de fevereiro de 2013. ANTONIO SILVA / LUSA

 

Artigo relacionado:

Também poderá gostar

Sem comentários