3 March 2021
A Rádio Cultura Lusa pode ser ouvida na internet, seja no computador ou no telemóvel, e, em breve, deverá poder ser ouvida via Televisão Digital Terrestre.

Emigrantes em França criam Rádio Cultura Lusa na Internet

Quatro emigrantes em França criaram uma rádio na internet que, embora ainda só emita música, pretende, no curto prazo, emitir produção própria, da animação à informação, divulgando Portugal e a cultura portuguesa pelo mundo.

Em declarações à agência Lusa, a partir de Lille, no norte de França, João Real, responsável pelo projeto, explicou que esta rádio vai constituir-se formalmente a partir de uma associação sem fins lucrativos e nasce de um outro projeto de sua autoria, que já funciona há um ano: o portal Cultura Lusa.

“O Cultura Lusa é um portal de atualidade nacional e internacional, escrito em francês, onde podem ler-se notícias sobre economia, cultura, política, desporto, tecnologia, gastronomia, e também artigos de opinião, e onde existe uma agenda de eventos. Tem como objetivo promover e divulgar a cultura portuguesa e capitalizá-la, favorecendo intercâmbios franco-portugueses e o turismo”, explicou.

É um projeto que pretende também “informar as comunidades lusófonas que residem em França, na Bélgica, no Luxemburgo e na Suíça, bem como o público francófono”.

A rádio segue o mesmo princípio: “É informação, promoção da cultura portuguesa, através do portal digital. Terá emissões em gravação, outras em direto, e é um projeto aberto à participação de todos”, explicou João Real.

O projeto está a andar lentamente porque depende de trabalho voluntário, mas é bastante ambicioso. Por agora, a pequena equipa ainda procura um local para instalar o estúdio. Depois disso, a Rádio Cultura Lusa pretende conseguir colaborações com rádios portuguesas, e mesmo apoiar-se numa rede de correspondentes locais.

“É uma rádio para o mundo. Vai funcionar – já funciona – 24 horas por dia, e o tempo de emissão estará dependente do número de pessoas disponíveis, e do tempo que cada um tiver para dar. Queremos fazer um produto de qualidade, e esperamos poder pagar pelos conteúdos, embora, sublinho, não tenhamos fins lucrativos”, acrescentou.

JYF // VM.

Lusa/Fim

Foto: LUSA – Um Rádio antigo em exposição, 09 de abril de 2012. PAULO NOVAIS / LUSA

Também poderá gostar

Sem comentários