7 March 2021
Deolinda Batista, lê uma carta escrita por uma aluna da Escola Aristides Sousa Mendes, 15 DE NOVEMBRO DE 2015. PAULO NOVAIS/LUSA

É importante saber pontuar

Frase escrita por um homem rico antes de morrer.

Morreu antes de fazer a pontuação.

A quem deixava a fortuna?

Eram quatro concorrentes.

1) O sobrinho fez a seguinte pontuação:

Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho. Jamais será paga a contado padeiro. Nada dou aos pobres.

2) A irmã chegou em seguida. Pontuou assim o escrito:

Deixo meus bens à minha irmã. Não a meu sobrinho. Jamais será paga a contado padeiro. Nada dou aos pobres.

3) O padeiro pediu cópia do original. Puxou a brasa pra sardinha dele:

Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga aconta do padeiro. Nada dou aos pobres.

4) Aí, chegaram os descamisados da cidade. Um deles, sabido, fez esta interpretação:

Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga aconta do padeiro? Nada! Dou aos pobres.

Também poderá gostar

Sem comentários