O Brasil nos últimos anos ganhou posição de destaque no âmbito internacional, ocasionada principalmente por seu desenvolvimento econômico em ritmo acelerado. O país virou alvo dos interesses estrangeiros atraindo grandes investimentos e eventos internacionais, como a Copa do Mundo (2014) e as Olimpíadas (2016).

O número de turistas estrangeiros no Brasil cresceu 8% em 2010, em que parte dos visitantes veio para terras nacionais a negócios ou movidos por interesses comerciais. Muitos deles também se estabelecem aqui.

O crescimento da popularidade do país no exterior gerou interesses em seguimentos culturais até então pouco explorados, como a língua portuguesa. Segundo pesquisas, só nos Estados Unidos o número de estudantes inscritos em cursos de português cresceu cerca de 11% em relação há três anos.

O idioma antes não se constituía como uma língua de valor internacional, mas ao longo da última década, a procura vem crescendo intensamente pelo ensino para estrangeiros e também para brasileiros que reconhecem a importância de dominar a língua materna.

Desta forma, os cursos de português para estrangeiros estão se tornando uma prática cada vez mais necessária e procurada no Brasil. As escolas de idiomas estão inclusive desenvolvendo técnicas para facilitar o aprendizado. Como não é uma língua fácil de ser absorvida, pois diferentemente do inglês, por exemplo, possui muitas variações em suas formas, o ensino tem que ser diferenciado, mais focado e eficaz. Aulas particulares ou em pequenos grupos são uma boa ideia para o aluno assimilar melhor o conteúdo.

Além disso, a procura pela aprendizagem do idioma também é grande entre os próprios brasileiros, já que com a reforma ortográfica, instituída pela Academia Brasileira de Letras com objetivo de padronizar a língua, muitos estudantes precisam de auxílio para aprender as novas regras do português. Muitas mães também procuram as aulas de reforço para melhorar o rendimento escolar de seus filhos.

Isso é uma solução porque, nessas aulas, é possível explorar as principais dificuldades do aluno, assim como enfatizar as novas normas, para aqueles que precisam reaprender a língua.

Seja pela procura por jovens brasileiros, por empresas internacionais que necessitam de traduções ou por estrangeiros com negócios no país, o idioma ganha visibilidade e acompanha o lugar de destaque do Brasil no plano internacional.

 

Daniel Zipman – Diretor do Centro Latino de Línguas

 

FONTE: Administradores

Partilhar