Luanda, 25 out (Lusa) – O ministro das Relações Exteriores de Angola considerou “brilhante” a eleição de António Guterres ao cargo de secretário-geral das Nações Unidas.

Georges Chikoti referiu em entrevista à televisão pública angolana que a eleição de António Guterres corresponde a um “grande momento para o mundo da língua portuguesa”.

Segundo o chefe da diplomacia angolana, país que tem lugar como membro não permanente do Conselho de Segurança da ONU, António Guterres tem demonstrado uma “grande capacidade” e a sua eleição é uma oportunidade para a promoção da língua portuguesa no mundo.

“Nós, no Conselho de Segurança da ONU, trabalhamos muito sobre este tema e todas as nossas instruções foram diretas para podermos eleger António Guterres. Sempre votamos nele”, referiu o ministro.

O governante angolano manifestou ainda satisfação por existirem agora mais condições para Angola responder à sua expectativa de ver técnicos angolanos no secretariado das Nações Unidas.

“Já temos estado a refletir um pouco para ver a que nível é que nos podemos integrar nela”, salientou Georges Chikoti.

NME // PJA – Lusa/Fim
close
Subscreva as nossas informações
Partilhar