8 March 2021
A Marcha de Alfama vai participar na parada de celebração do Ano Novo Chinês, em Macau, agendada para os dias 02 e 08 de fevereiro.

Celebração do Ano Novo Chinês em Macau

O grupo português será o único ocidental a participar no evento, que contará ainda com a presença de sete grupos de animação asiáticos, provenientes, nomeadamente, da Coreia do Sul, Hong Kong, Indonésia, Japão, Malásia, Taiwan e Tibete, além de mais de 20 locais.

A população de Macau vai poder escolher, através de uma mensagem de telemóvel, o seu grupo favorito, que irá participar nas Marchas Populares de Lisboa.

A diretora dos Serviços de Turismo, Maria Helena de Senna Fernandes, disse, em conferência de imprensa, que o “evento deste ano, ‘Celebrar a Alegria e Abundância do Ano do Cavalo’ [um dos 12 signos do zodíaco chinês], será mais atraente do que o do ano passado”, dada a participação de grupos artísticos do exterior.

As paradas noturnas, previstas para os dias 02 e 08 de fevereiro (o 3.º e o 9.º dias do Ano Novo Lunar), vão levar à rua 1.038 artistas e 13 carros alegóricos com atuações culturais, estando também previstos espetáculos de fogo-de-artifício.

O evento contará com transmissão televisiva direta e ecrãs gigantes em várias partes do território para a população o poder acompanhar nas ruas.

De acordo com Maria Helena de Senna Fernandes, a parada conta com um orçamento de 18 milhões de patacas (1, 65 milhões de euros).

O Ano Novo chinês, também conhecido como Festival da Primavera, é uma tradição com mais de 2.000 anos na China e a principal festa de reunião das famílias chinesas, que leva milhões de pessoas a percorrerem centenas de quilómetros até à terra natal para celebrarem com a família a entrada do Ano Novo Lunar, representando a maior migração humana anual do mundo.

 

PNE // VM – Lusa/Fim

Foto: Desfile das marchas populares, representativas dos bairros de Lisboa em homenagem ao Santo António, milagreiro de Lisboa, 12 de junho de 2011, na Avenida da Liberdade, em Lisboa. PAULO CORDEIRO/LUSA

Também poderá gostar

Sem comentários