Lisboa, 08 jul 2021 (Lusa) – O secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde considerou hoje que “há espaço” para aprofundar a cooperação entre o Governo e a Lusa, no final de uma visita à sede da agência de notícias.

“Da conversa com a administração a Lusa, percebemos que há espaço para reforçarmos o quadro de cooperação, de parceria, nomeadamente no campo da formação, das novas tecnologias, a nível das rádios comunitárias, da especialização dos jornalistas e dos estágios profissionais e curriculares”, disse à Lusa Lourenço Lopes.

O secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde falava no final da reunião com o presidente do conselho de administração e com a direção de informação da Lusa, que decorreu hoje nas instalações da agência.

“Ficou a ideia de que é possível termos estudantes de jornalismo em Cabo Verde que podem fazer um estágio, quer na delegação da Lusa em Cabo Verde, quer aqui nesta importante sede da Lusa em Lisboa”, acrescentou o governante.

A cooperação nesta área da comunicação social reflete o espaço que existe para reforçar “o quadro de cooperação entre Portugal e Cabo Verde numa área extremamente importante para o funcionamento da democracia e reforço da cidadania e de identidade nacional de Cabo Verde, um país com uma forte diáspora”, apontou.

O presidente do conselho de administração da Lusa, Joaquim Carreira, disse querer assinar um novo protocolo de cooperação com Cabo Verde, retomando a paragem na formação forçada pela pandemia de covid-19.

“O que queremos é estreitar os laços de cooperação, começando pela formação e estágios, e serviços que podemos fazer com rádios comunitárias e sensibilização para a desinformação”, afirmou o presidente da Lusa, vincando que o objetivo é assinar um novo protocolo em novembro.

“Queremos retomar em novembro com a Inforpress e com uma conferência patrocinada pelo Governo de Cabo Verde relativamente à comunicação social nos países de língua portuguesa”, adiantou o presidente da agência, apontando que, depois da paragem forçada pela pandemia, agora é tempo de “passar à fase de implementação e detalhe” de colaboração.

MBA // LFS – Lusa/Fim

Logo da Agência Lusa em Benfica, Lisboa, 04 de junho de 2019. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar