Lisboa, 04 fev (Lusa) – Uma exposição artística lusófona estará patente até 15 de fevereiro no India Internacional Center (IIC), em Nova Deli, com obras de diferentes gerações de artistas dos países de língua portuguesa, assim como da Índia, divulgou o centro de artes indiano.

De acordo com o IIC, na sua página da Internet, os trabalhos apresentados na mostra pertencem à coleção lusófona da Perve Galeria, de Lisboa, tendo a curadoria de Carlos Cabral Nunes e Miguel Amado.

A exposição, que tem 150 trabalhos representando o universo lusófono, faz uma distinção clara entre o que foi produzido nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) antes e depois da sua independência de Portugal, entre 1974 e 1975, bem como todo o seu percurso de desenvolvimento artístico.

A mostra também tem como objetivo promover o trabalho das novas gerações de artistas de língua portuguesa.

Além disso, há obras de arte provenientes do Brasil, Índia e China, que também tiveram uma influência significativa de Portugal.

Alguns dos artistas que têm suas obras expostas são Eduardo Nery, Ernesto Shikhani, Fernando Azevedo, Fernando Lemos, Feres Khoury, Manuel Figueira, Malangatana, Agostinho Santos, Mário Botas, Ana Silva, Isabella Carvalho e Subodh Kerkar, entre tantos outros.

A exposição, que teve início no dia 01 de fevereiro, estará aberta ao público até ao dia 15 deste mês.

CSR // EL – Lusa/Fim

Fotos:

– Uma mulher indiana durante a celebração do Chhath Puja, em Nova Deli. MONEY SHARMA/LUSA

– Polícia Sinaleiro em Nova Deli, 02 de dezembro de 2007. TIAGO PETINGA / LUSA

Partilhar