Publicado em Junho de 2020,
em cujas páginas estão quarenta e uma crónicas que Lídia Jorge, ao longo de um ano, leu aos microfones da RDP Antena 2,
eis o livro que acaba de ser anunciado vencedor do Grande Prémio de Crónica e Dispersos Literários da Associação Portuguesa de Escritores,
patrocinado pela Câmara Municipal de Loulé
Pode ser uma imagem de texto

 

Lídia Jorge, na apresentação pública do “Manifesto contra a Crise: Compromisso com a Ciência, a Cultura e as Artes em Portugal”, realizada na Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, 29 de janeiro de 2014. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

close
Subscreva as nossas informações
Partilhar