4 March 2021
Francisco José Viegas

O Brasil é bom de ouvido; porque será que confunde tudo o que ouve?

Por Francisco José Viegas

Parece que o Ministério da Educação brasileiro tenciona eliminar “a obrigatoriedade do estudo da literatura portuguesa” das escolas secundárias.

O assunto nem me enerva nem me deixa indiferente.

Em Portugal, na generalidade, mantemos uma quase olímpica ignorância em relação à literatura brasileira que não seja de hoje (coisa que vem desde Machado de Assis e que tem oscilações).

Acontece que a literatura brasileira, como nós a conhecemos nos seus grandes momentos, dialoga com a herança cultural e literária portuguesa.

Isto não nos autoriza a invadir Brasília para mostrar bandeiras com as efígies de Eça, Camões ou Pessoa, até porque são autores muito lidos lá (antes de Portugal, Pessoa foi mais popular lá), e porque a soberania brasileira é para respeitar. Ler mais

Foto: The Booklovers

Também poderá gostar

Sem comentários

ARTIGOS POPULARES