2 March 2021

Estão abertas as inscrições para o 7º FESTIN

Estão abertas as inscrições para o FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa. O festival aceita inscrições até o dia 30 de novembro para sua 7ª edição, que será realizada entre 4 e 11 de maio de 2016 na cidade de Lisboa, em Portugal. O FESTin exibe exclusivamente obras dos países de língua portuguesa e realiza mostras competitivas de curtas e longas-metragens de ficção e documentário.

Inscrições
Todos os filmes devem estar em língua portuguesa e ter sido finalizados entre janeiro de 2014 e novembro de 2015. As obras podem ser de longa (com duração mínima de 60 minutos) ou curta-metragem (com máximo de 20 minutos). Serão considerados de média-metragem os filmes com duração entre 26 e 59 minutos e a categoria em que serão exibidos dependerá da análise da comissão de seleção.

Os proponentes deverão preencher a ficha de inscrição e enviá-la, junto a toda a documentação exigida, por via postal ou pela internet, conforme as orientações do regulamento. Não serão aceitas inscrições de filmes já exibidos em Lisboa ou disponíveis livremente na internet.

Seleção e premiação
Um júri selecionará os vencedores nas categorias longa-metragem (ficção/animação, ator, atriz e realizador) e curta-metragem (ficção/animação/documentário). Já o público elegerá por votação o melhor documentário, o melhor longa e o melhor curta-metragem. Os ganhadores serão contemplados com o troféu FESTin.

Para mais informações, acesse o site oficial do FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa.

Festin 7

Objetivos

Fomentar a interculturalidade, a inclusão social e o intercâmbio cultural nos países de língua portuguesa,
através da realização de um Festival de Cinema comprometido com a divulgação de diferentes culturas e
práticas de respeito à diversidade presente nos povos de Língua Portuguesa.

Objetivos Específicos

– Promover as práticas de inclusão cultural e social nos países de língua portuguesa.
– Valorizar as habilidades e competências das populações, em particular daquelas em
situação de risco, através do contacto com a arte e o cinema.
– Divulgar a criação de expressões das artes fílmicas dos países de língua portuguesa.
– Apoiar nos territórios da língua portuguesa a promoção de novos cineastas.
– Fomentar a divulgação das iniciativas dos cineastas vocacionados à criação de inovações
técnicas e conceituais.
– Realizar debates sobre obras e criadores participantes do Festival.

 

 

Também poderá gostar

Sem comentários